LOADING

Type to search

Destaque Mundo Cristão

Missionário brasileiro no Quênia foi executado, confirma esposa

Share

O pastor brasileiro Francisco Antônio Chagas Barbosa, que era dado como desaparecido desde a última quarta-feira (7) no Quênia, país no leste da África onde ele morava, foi morto e depois teve o carro carbonizado. A informação foi confirmada pela esposa do missionário, a pastora Franciane Barbosa, em uma publicação feita na página da Missão Cristã Mundial (MCM) no Instagram neste sábado (10).

– A polícia está investigando. Nas imagens, consta que o Francisco estava sim no carro. Dois homens pegaram ele, o colocaram dentro do carro, ele tentou sair e, nesse momento, foi executado. Sem saber o que fariam, tocaram fogo no carro. O carro que nós encontramos com aquele corpo é realmente do Francisco – relatou Franciane.

O missionário brasileiro era dado como desaparecido desde a última quarta, quando ele saiu para ir ao supermercado, mas não retornou. Na nota em que informou sobre o desaparecimento, a Missão Cristã Mundial já havia informado que o carro do pastor tinha sido visto sendo dirigido em alta velocidade por, aparentemente, um grupo de jovens quenianos.

Ainda não há informações a respeito dos motivos que levaram à morte do missionário. Francisco morava no Quênia com a esposa desde 2017. No país africano, o pastor fazia um trabalho com crianças, viúvas, refugiados e igrejas locais. Em nota, a MCM disse que o líder religioso deixa “um legado ímpar em missões”.

– Seu trabalho alcançou crianças, viúvas, povos que lutavam contra a fome e a sede. São incontáveis as sementes deixadas, Bíblias distribuídas e vidas que foram salvas pelo Senhor por conta de sua dedicação à obra – destacou.

Fonte: Pleno News

Foto: Reprodução/Arquivo Pessoal

Tags:

You Might also Like

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *