LOADING

Type to search

Politica

‘Pegue o seu pen drive e saia’: Do Val coleciona ‘broncas’ na CPMI

Share

Na manhã desta quinta-feira (25), a sessão de instalação da CPMI do 8 de janeiro começou com os ânimos exaltados dos parlamentares, havendo bate-boca entre governistas e oposicionistas. O senador Marcos do Val (Podemos-ES) discordou do nome da senadora Eliziane Gama (PSD-MA), para relatar os trabalhos do grupo, pelo fato de a mesma ter proximidade com o ministro da Justiça e Segurança Pública, Flávio Dino.

Segundo do Val, Dino deveria ser investigado. O presidente temporário do grupo até a eleição da mesa diretora, senador Otto Alencar (PSD-BA), acusou do Val de tumultuar os trabalhos da CPMI e disparou que, apesar do histórico de policial do parlamentar, a comissão não será tratada como “delegacia”.

– Vossa Excelência está sendo antiético, interrompendo seu colega. Eu sei da sua procedência da polícia, mas aqui é Senado, não é delegacia de polícia. Vossa Excelência se mantenha calado. Aqui é Senado Federal, se comporte como senador – disse Alencar.

– A senadora Eliziane é uma senadora igual a todos nós. Eu também sou amigo de Dino e ministros de Lula. Assim como aqui tem pessoas amigas e parentes do ex-presidente Jair Bolsonaro. Diferentemente de outros senadores que foram convidados para gravar ministro para dar um golpe, Eliziane não tem nada assim no currículo dela – defendeu Omar Aziz (PSD-AM).

Após seguidas interrupções de do Val, até mesmo a outro senador da oposição, Marcos do Val levou mais uma “bronca”. Desta vez do deputado federal Duarte Jr (PSB-RJ).– Pegue seu pen drive e saia dessa sala, porque o senhor quer tumultuar. Vossa excelência que é investigado por falso testemunho, que tem mais versão do que terno – disparou.

Tags:

You Might also Like

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *