LOADING

Type to search

Brasil Destaque Politica

Movimentos convocam para atos no dia 4 de junho em todo país

Share

Diversos movimentos sociais ligados à direita se juntaram para organizar atos políticos em várias partes do país no próximo dia 4 de junho.

O objetivo das manifestações será a defesa da democracia, da liberdade e da Justiça, falado contra a cassação do ex-deputado federal Deltan Dallagnol (Podemos-PR), assim como de outras decisões judiciais que são questionadas pela oposição ao atual governo.

Quem falou sobre os objetivos do ato foi Juan Carlos Gonçalves, diretor geral do Ranking dos Políticos, representando os movimentos Fora Corruptos, MBL, Vem Pra Rua, Curitiba Contra Corrupção e Mude.

– Este é um momento de luta, luta pela liberdade do povo brasileiro que foi às ruas, que votou nas urnas, democraticamente, em dois turnos, e que trouxe esses parlamentares até aqui (…). Hoje temos quem cometeu corrupção sentado no poder e quem combateu a corrupção está sendo cassado e caçado – declarou.

Dallagnol estava presente no Salão Verde da Câmara e pôde discursar, lembrando das manifestações populares de 2013 que iniciou uma grande mudança na política do país.

O ex-procurador também falou sobre a Operação Lava Jato, que prendeu políticos e empresários que faziam parte do maior esquema de corrupção já registrado na história.

– Contudo, o que vimos nos últimos anos foi uma grande reação do sistema corrupto (…). Essas pessoas recuperaram seus cargos e hoje elas reagem contra nós, elas nos escravizam – declarou.

O ex-parlamentar defendeu a liberdade, falou contra a censura nas redes e reforçou a pauta de luta contra a corrupção.

– O que foi feito não foi cassar um parlamentar, o que foi feito foi cassar a voz dos brasileiras, foi cassar 345 mil votos, votos que foram tirados da urnas com esta cassação – disse Deltan Dallagnol.

Fonte: Pleno News

Foto: Reprodução

Tags:

You Might also Like

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *