LOADING

Type to search

Destaque Politica

CPMI dos atos: Confira quem são os 11 parlamentares da oposição

Share

Parlamentares da oposição ao governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) já ocupam 11 das 32 vagas da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) dos atos do dia 8 de janeiro. Fazem parte desta lista aliados do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), como a ex-ministra e senadora Damares Alves (PL-DF) e o ex-diretor-geral da Abin, deputado Alexandre Ramagem (PL-RJ).

A comissão foi criada no mês passado com o objetivo de investigar os ataques e invasões aos prédios do Supremo Tribunal Federal, do Congresso Nacional e do Palácio do Planalto. A previsão é que ela seja instalada na próxima quinta-feira, dia 25.

Os apoiadores de Lula, anteriormente contrários ao requerimento, agora buscam responsáveis pela omissão que levou aos atos em Brasília e também culpam deputados alinhados a Bolsonaro. A base do petista se viu obrigada a mudar de posição após a divulgação de imagens do agora ex-chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI) general Gonçalves Dias dentro do Planalto.

Dos 32 integrantes da CPI (16 deputados e 16 senadores), governistas calculam que conseguem indicar 20 nomes. Confira lista do parlamentares que fazem oposição a Lula na CPMI:

Senadores:

– Marcos do Val (Podemos-ES)

– Esperidião Amin (PP-SC)

– Damares Alves (Republicanos-DF)

– Eduardo Girão (Novo-CE)

– Magno Malta (PL-ES)

Deputados:

– Carlos Sampaio (PSDB-SP)

– Aluisio Mendes (Republicanos-MA)

– Rodrigo Gambale (Podemos-SP)

– André Fernandes (PL-CE)

– Filipe Barros (PL-PR)

– Delegado Ramagem (PL-RJ)

*AE

Tags:

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *