LOADING

Type to search

Mundo Cristão

Ataques a cristãos causam mais de 60 mortes na Índia

Share

Há mais de uma semana, cristãos da minoria étnica kuki enfrentam uma grave crise na Índia. Essa semana, o número de deslocados que fugiram para campos de refugiados e acampamentos militares somou 35 mil pessoas. Centenas de casas e igrejas foram incendiadas no estado de Manipur.  


Até agora, 62 vítimas foram mortas, sendo 17 cristãos da etnia kuki, um número alto considerando que eles são parte de uma pequena tribo. A repressão violenta começou no dia 28 de abril, quando os cristãos organizaram um protesto pacífico contra a expulsão da comunidade kuki das florestas, onde eles vivem há séculos. O vídeo a seguir mostra a situação dos cristãos locais. 


Os protestos também criticavam a decisão das autoridades de registrar a tribo Meitei, que é uma das maiores comunidades étnicas hindu. A decisão prejudicaria todas as minorias étnicas além de privilegiar a tribo Meitei com poder sobre as outras comunidades. 


Os manifestantes foram atacados fisicamente por membros da comunidade Meitei. Cristãos e outras testemunhas comprovam que a polícia falhou em intervir e protegê-los no pior momento do ataque. Foram grupos paramilitares que controlaram a situação na última sexta-feira, 7 de maio.   


O parceiro local da Portas Abertas, Vishnu, acredita que a violência contra as minorias étnicas faz parte do crescimento de movimentos ultranacionalistas hindus. “A violência contra minorias não é um caso isolado. Ela é incentivada por pessoas de fora dessa região. Membros do grupo ultranacionalista RSS tentam radicalizar os Meitei há muitos anos.” 


“Nesse momento, há cristãos fugindo de casa. São crianças, mulheres e idosos. Eles estão desprovidos dos itens de necessidade básica e profundamente traumatizados”, conclui Vishnu. Parceiros da Portas Abertas estão se mobilizando para ajudar as vítimas nas necessidades urgentes. 

Tags:

You Might also Like

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *