LOADING

Type to search

Politica

Telegram desmente Flávio Dino: “Respondemos em 1 dia útil”

Share

O Telegram usou o Twitter para responder ao ministro da Justiça, Flávio Dino, esclarecendo que não foram notificados até o dia que acusaram a plataforma de não responder.

Em 13 de abril, a Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon) notificou algumas plataformas de redes sociais solicitando os métodos utilizados por cada uma delas para moderar conteúdos considerados ilegais.

A rede social russa disse que não foi notificada nesta data, apenas no dia 20 de abril quando notícias foram veiculadas com declarações de Dino, dizendo que eles não haviam respondido.

– Ao contrário das afirmações espalhadas pelo Ministro da Justiça, Flávio Dino, o Telegram respondeu à solicitação da Senacon um dia útil após o envio. Diferente de outras empresas, o Telegram não foi informado sobre a solicitação até o dia que foi culpado de “não responder” – diz a nota da plataforma.

O Telegram fez questão de criar uma linha do tempo para provar o que aconteceu, desde o 13 de abril quando Google, TikTok, Facebook, Twitter e Kwai foram notificados, até o dia que eles receberam o e-mail da Senacon e retornaram com as respostas exigidas.

Telegram
Mensagem do Telegram Foto: Reprodução Twitter Telegram Brasil
Tags:

You Might also Like

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *