LOADING

Type to search

Destaque Politica

GSI: Ministro interino questiona vazamento de imagens

Share

Antes de ser escolhido pelo presidente Lula como ministro interino do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), Ricardo Cappelli, então secretário-executivo do Ministério da Justiça, questionou o vazamento das imagens de segurança do Palácio do Planalto.

As filmagens do dia 8 de janeiro mostram o então GSI, Gonçalves Dicas, falando de forma amistosa com os manifestantes que quebraram objetos e portas dentro do Planalto.

– Existiam menores nas imagens? Por que rostos borrados? Quem vazou? Com qual interesse? O fascismo tenta confundir e dividir. Buscam fraudar a história. Unir nossa tropa e marchar pela democracia. Vamos reconstruir o Brasil – questionou Cappelli, que foi o interventor federal durante as investigações sobre possível participação do governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, nos atos.

As imagens borradas as quais Cappelli se refere foram feitas pela produção da CNN Brasil, que recebeu as imagens com exclusividade, para preservar a identidade de outros agentes do GSI que aparecem no vídeo.

Além de Gonçalves Dias, o secretário-executivo do GSI, Ricardo Nigri, também foi visto nas imagens e, por isso, foi destituído do cargo.

Fonte: Pleno News

Foto: MJSP/Tom Costa

Tags:

You Might also Like

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *