LOADING

Type to search

Mundo Cristão

Homem toma veneno para culpar cristã por sua morte

Share

Chandra Kumar (pseudônimo) tinha orgulho de ter nascido na Índia e seguir a fé hindu de seus antepassados. Ele não entendia como as pessoas poderiam trocar sua cultura tão bela e cheia de deuses por uma religião tão simplista e estrangeira, como a cristã.

Até aquele momento, era normal trabalhar em seu riquixá, beber, agredir a esposa ou alguém que o contrariasse, todos que conhecia tinham essa vida. No entanto, sua esposa e seus sogros decidiram seguir a Jesus e não queriam mais que essas coisas acontecessem.

Chandra falou com alguns colegas mais extremistas e pediu ajuda para fazer a esposa mudar de ideia. Resolveram denunciá-la a polícia, já que ela estava deixando o hinduísmo para seguir uma fé estrangeira. Porém, o policial disse que ela tinha direito de escolher qual religião seguir.

O indiano não se deu por vencido e tramou sua morte, para que ela e seus sogros fossem culpados de seu assassinato. “Tentei me matar para culpar meus sogros por minha morte. Eu bebi veneno com álcool e foi direto para minha corrente sanguínea”, confessa.

Chandra foi levado para o hospital e ficou à beira da morte. Mas o pastor de sua esposa foi visitá-lo várias vezes e em uma delas ele se entregou a Jesus. Desde aquela dia, a vida do cristão mudou e ele passou a compartilhar o amor de Deus com outras pessoas. Agora ele era conhecido como pastor Chandra em sua vizinhança.

De perseguidor para perseguido

Durante um culto, alguns extremistas hindus invadiram a igreja e acusaram o pastor Chandra de forçar a conversão das pessoas. A polícia chegou, ofendeu o líder cristão e o levou preso, juntamente com sua esposa.

O pastor Chandra cumpria seu chamado mesmo dentro da prisão. “Meus companheiros de cela perguntaram o que eu estava fazendo. Eu disse que estava orando e compartilhei o evangelho com eles por dois dias. Por fim, meus dois companheiros de cela professaram a fé em Cristo”, testemunha. 

A Portas Abertas soube da situação do pastor Chandra e o apoiou legalmente e com o pagamento de sua fiança. Ele também foi socorrido durante a pandemia de COVID-19 em suas necessidades básicas como alimentação, moradia e cuidados médicos.

Tags:

You Might also Like

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *