LOADING

Type to search

Destaque Mundo Cristão

Pastor passa a Páscoa na cadeia após protestar em evento drag queen para crianças

Share

O pastor canadense e líder do Mission 7 Ministries, Derek Reimer, passou a Páscoa na cadeia após protestar contra um evento de drag queen para crianças, na cidade de Calgary.

Esta é a terceira vez que o pastor é preso em apenas 5 semanas. Em vez de passar a Páscoa em família, ele passou atrás das grades como um criminoso por suposto “discurso de ódio”.

Sua prisão atual se deu por mandados pendentes na semana passada enquanto protestava perto do evento “Drag Story Time”, conforme notícias da CBC. Agora ele enfrenta 8 novas acusações, incluindo assédio criminal, causar distúrbios e violar suas condições de soltura.

Sobre as prisões

Reimer foi preso pela primeira vez após um incidente em 25 de fevereiro, durante o qual vários homens o expulsaram fisicamente da Biblioteca Seton em Calgary, Alberta, no Canadá.

Na ocasião, ele protestou contra o evento de drag queen que foi organizado pela Biblioteca Pública, onde artistas drag locais liam histórias para crianças.

No dia 15 de março, o pastor foi preso pela segunda vez no estacionamento do outro lado da rua, da Signal Hill Library em Calgary. Um vídeo mostra a polícia algemando-o e arrastando-o antes de levá-lo num veículo policial.

Ele foi acusado de violar uma ordem de liberação que o proibia de se comunicar com pessoas LGBTQ auto identificadas ou de estar a menos de 200 metros de eventos envolvendo a comunidade LGBTQ.

O pastor Artur Pawlowski, que conhece Reimer e ganhou as manchetes internacionais quando foi repetidamente preso por manter sua igreja em Calgary aberta durante a pandemia, disse à Fox News que as prisões de Reimer indicam o “ódio aberto do governo contra o cristianismo”.

Desde que os eventos de drag queens envolvendo crianças surgiram em Calgary, Pawlowski disse que Reimer “sentiu que Deus o chamou” para expor a situação das crianças e se opor a isso.

Fonte: Guia-me com informações de Fox News

Tags:

You Might also Like

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *