LOADING

Type to search

Mundo Cristão

Agenor Duque sobre o Papa Francisco: “Não engana mais ninguém”

Share

O apóstolo Agenor Duque publicou um artigo em sua coluna no SP Diário, no qual critica duramente o papa Francisco por suas declarações recentes, afirmando que o líder da Igreja Católica está fazendo interpretações equivocadas da Bíblia e propagando ideias que vão contra os valores cristãos.

Segundo o artigo, o papa declarou-se comunista e afirmou que Jesus também o era, uma afirmação que é considerada escandalosa e absurda pelo autor.

A interpretação equivocada da passagem bíblica registrada no evangelho de Mateus 25 e a aproximação dos atos de misericórdia mencionados na Bíblia Sagrada com o comunismo são vistos como uma negação dos fatos históricos e da violência cometida contra cristãos em países comunistas.

Agenor Duque cita exemplos como a China, onde toda religião que exigisse a lealdade dos fiéis a outro que não ao Estado é combatida de forma violenta, e a União Soviética, onde estima-se que de 12 a 20 milhões de opositores do sistema comunista foram executados, dentre eles milhares de cristãos.

O autor argumenta que a amoralidade, o hedonismo e o relativismo presentes no comunismo são valores incompatíveis com a fé cristã.

Para Agenor Duque, a declaração do papa se torna ainda mais escandalosa, já que cristianismo e comunismo não podem coexistir harmonicamente. Ele afirma que o papa tem que decidir-se entre ser cristão, como se espera de um pontífice, ou ser comunista, mas não pode ser os dois.

O artigo de Agenor Duque é uma crítica contundente ao papa Francisco e uma defesa dos valores cristãos.

Tags:

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *