LOADING

Type to search

Destaque Mundo Cristão

Centro pró-vida volta a ser vandalizado um ano após atentado

Share

Um centro de gravidez pró-vida em Delaware, nos Estados Unidos, foi vandalizado novamente depois de ter sido atingido por um coquetel molotov em novembro passado.

O CompassCare, em Bear, foi atacado por um invasor que quebrou uma janela com uma pedra e jogou um objeto não identificado no escritório da clínica.

De acordo com o Christian Post, o incidente ocorreu na manhã de terça-feira, 15 de março, enquanto a equipe do centro se preparava para atender pacientes grávidas.

O diretor executivo do CompassCare, Jim Harden, afirmou que os funcionários do centro de gravidez estão determinados a continuar a fornecer seus serviços pró-vida, apesar das tentativas de impedir sua missão.

“Há algumas pessoas por aí que claramente estão tentando impedir o que fazemos, mas não vamos deixar que nos intimidem. Acreditamos que o que estamos fazendo é importante e estamos orgulhosos do trabalho que fazemos”, disse Harden.

Em novembro de 2021, o centro foi atacado por um coquetel molotov, que não causou ferimentos, mas resultou em danos significativos na propriedade. O agressor foi posteriormente preso e acusado de acusações criminais.

O CompassCare é um centro de gravidez sem fins lucrativos que oferece serviços gratuitos de apoio à gravidez, incluindo testes de gravidez, ultrassonografias e educação sobre cuidados pré-natais e paternidade responsável. A clínica é uma das muitas organizações pró-vida nos Estados Unidos que buscam oferecer alternativas positivas ao aborto.

A polícia está investigando o incidente de vandalismo desta semana e pede ao público que entre em contato com informações relevantes. A equipe do centro de gravidez espera que as autoridades sejam capazes de identificar e prender o culpado.

“Esperamos que a polícia possa pegar a pessoa responsável por isso e levá-la à justiça. Também esperamos que as pessoas possam orar por nós e por aqueles que tentam nos impedir”, disse Harden

O ataque mais recente contra o centro de gravidez pró-vida acontece em um momento de crescente preocupação com a violência e o assédio direcionados a organizações e profissionais pró-vida em todo o mundo.

Grupos pró-vida relatam um aumento nas ameaças e ataques contra suas clínicas e pessoal, enquanto ativistas pró-aborto pressionam por políticas cada vez mais permissivas em relação ao aborto.

Fonte: Gospel Prime

Foto: Reprodução/CompassCare

Tags:

You Might also Like

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *