LOADING

Type to search

Destaque Politica

Moraes volta atacar manifestantes nos quartéis durante diplomação de Lula

Share

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes, voltou a classificar, durante a diplomação de Luís Inácio Lula da Silva (PT), que os atos que acontecem há mais de um mês por todo Brasil são antidemocráticos e que aqueles que “encabeçam” os movimentos serão punidos.

“Essa diplomação [de Lula] atesta a vitória plena da democracia e do estado democrático direito, contra os ataques antidemocráticos, contra a desinformação e contra o discurso de ódio proferidos por diversos grupos organizados que, já identificados, serão integralmente responsabilizados para que isso não retorne nas próximas eleições”, disse Moraes.

“Essa diplomação consiste no reconhecimento da lisura do pleito eleitoral e da legitimidade política conferida soberanamente pela maioria do povo brasileiro por meio do voto direto e secreto”, acrescentou Moraes.

Ele ainda enfatizou que essas pessoas, não conhecem a força do poder judiciário, que segundo ele, se preparou e trabalhou para que as eleições fossem transparentes. Ainda reforçou que abriu o processo eleitoral para todos os que quisessem acompanhar e fiscalizar as eleições assim o fizessem e que não aceitará nenhum ataque relativo a inconsistências nas urnas.

Em seu discurso, Moraes classificou os militantes bolsonaristas de “extremistas e criminosos”, integrantes de uma “milícia digital”. Na fala, Moraes, que é relator dois inquéritos no STF sobre notícias falsas e atos antidemocráticos, indicou que vai intensificar as investigações que miram a claque bolsonarista.

“Os extremistas, criminosos, milícias digitais começaram a atacar a mídia tradicional, para substituir livre debate por mentiras. Coube à justiça eleitoral atuar de maneira séria e firme para evitar que desinformação maculasse liberdade de eleitores e eleitoras”, completou Moraes.

Tags:

You Might also Like

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *