LOADING

Type to search

Destaque Geral Politica

Renan Calheiros pede punição a quem hostilizar membros do STF

Share

Indiciado por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, o senador Renan Calheiros (MDB-AL), afirmou em sua conta no Twitter que as hostilidades contra ministros da Suprema Corte são inaceitáveis e que devem ser punidas.

O parlamentar ainda ironizou em sua publicação, usando a frase dita pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luís Roberto Barroso, que ao ser questionado por um manifestante sobre a segurança do código-fonte das urnas eletrônicas brasileiras respondeu: “Perdeu, mané, não amola”.

Em publicações anteriores, Renan Calheiros ainda pede que Bolsonaro seja demitido por justa causa, por conta do silêncio, que para ele é um golpe, além de chamar os manifestantes de terroristas e arruaceiros.

Corrupção

Em 2021 a Polícia Federal indiciou o senador Renan Calheiros (MDB-AL) por corrupção passiva e lavagem de dinheiro. As investigações apontam que o senador, que foi relator da CPI da Pandemia, pediu e recebeu R$ 1 milhão em propina da Odebrecht em 2012.

Tags:

You Might also Like

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *